Facebook Dark Post: o que é e como ele pode aumentar a conversão

Se você não nunca ouviu falar em dark post ou já ouviu falar e não sabe muito bem o que é, esse artigo vai mudar a forma como você faz os seus anúncios no Facebook.

Eu não conheço nenhum profissional de Marketing com experiência em anúncios no Facebook que não faça uso do dark post.

Nesse artigo, você aprenderá o que é um dark post no Facebook, para que ele serve, como criá-lo e ainda como ele pode aumentar as conversões das suas campanhas.

Entenda tudo sobre dark post neste artigo!

E atenção!

Se você ainda não utiliza o Gerenciador de Negócios do Facebook, antes de continuar, é necessário que o configure. Você pode seguir esse tutorial aqui do próprio Facebook.

Você não vai conseguir criar um dark post sem ele, ok?

Gerenciador de Negócios configurado? Então, vamos lá!

O que é um dark post?

Dark post é uma publicação que não aparece na linha do tempo de uma página do Facebook, não porque ela foi criada com alguma restrição de quem pode vê-la ou porque ela foi ocultada, mas porque realmente ela não está lá.

Uma publicação do tipo dark post é criada para se utilizada em anúncios e quando utilizada para esse fim, como qualquer anúncio:

1. quando aparece para alguém, é porque essa pessoa está dentro do público que você escolheu para mostrar o seu anúncio;

2. aparece com o nome Patrocinado logo abaixo do nome da página.

Os anúncios de uma página podem ser criados a partir de uma publicação que já foi publicada na linha do tempo dessa página ou a partir de um dark post.

Abaixo você encontra um dark post que foi utilizado em um anúncio. Você não vai encontrar essa publicação na linha do tempo da Upnid.

Uma vez que você cria um dark post, você pode sim, em qualquer momento, escolher publicá-lo na sua página, mas uma vez que você faz isso, por definição, ele deixa de ser um dark post.

E para que serve um dark post?

Antes de aprender como criar um dark post, entenda em quais momentos eles são úteis.

Veja três situações como exemplo.

1ª situação
Imagine que você é dono de uma hamburgueria e criou uma publicação na linha do tempo da sua página sobre uma promoção.

Depois de muitas curtidas e comentários você decidiu criar um anúncio a partir dessa publicação.

Você faz isso pelo Gerenciador de Anúncios ou por meio do botão Impulsionar publicação, mas o anúncio é reprovado pelo Facebook e você acaba entendendo o porquê.

Você não precisa excluir a publicação da sua linha do tempo e fazer outra. Basta você criar um dark post, atentando ao motivo da reprovação inicial e promovê-lo.

2ª situação
Você ensina confeitaria na sua página do Facebook e deseja promover uma publicação dela que leva para uma receita de torta holandesa.

A imagem da publicação é da bancada da sua cozinha, mostrando todos os ingredientes que serão usados.

Você então se questiona: será que um anúncio com uma foto da torta holandesa não chamaria mais atenção?

Sem precisar criar uma publicação na sua página novamente sobre a torta holandesa, você pode criar um dark post com a foto da torta e utilizá-la em um anúncio para “competir” com o anúncio criado a partir da publicação com a foto dos ingredientes.

3ª situação
E se você quiser mostrar criar uma publicação sobre um desconto do seu curso de costura somente para quem já comprou o seu último curso?

Como você não quer que todo mundo veja, não dá para publicar na linha do tempo da sua página.

É só você criar um dark post e fazer um anúncio a partir dele, somente para todos os compradores do seu último curso.

Conforme você for ganhando experiência com gestão de tráfego, ficará fácil saber quando utilizar um dark post. E no próximo tópico, você aprenderá duas formas de criá-lo.

Como criar um dark post?

Existem duas formas de criar um dark post no Facebook.

1ª forma

No Gerenciador de Negócios, clique no menu hambúrguer e pouse o mouse em Todas as ferramentas e selecione Publicações da Página.

Certifique-se que a página do seu negócio está selecionada.

Em Publicações você encontrará três sessões, em especial duas:

Em qualquer umas dessas duas sessões você pode criar um dark post. É só clicar no botão azul Criar publicação e começar escolhendo o formato da publicação: link, carrossel, foto, vídeo e status.

Ao criar um dark post, ele aparece na sessão Publicações de anúncios. Quando você quiser publicá-lo na sua linha do tempo imediatamente, é só selecioná-lo, clicar em Ações e selecionar Publicar.

Assim, a publicação migra para a sessão Publicações enviadas e é publicada na linha do tempo da sua página. Ela deixa de ser um dark post.

Você também pode programar um dark post para se publicado na sua linha do tempo em uma data específica. Ao programá-lo, ele passa a ficar na sessão Publicações programadas.

Se você conseguir criar uma publicação do jeito que você desejava utilizando essa 1ª forma, é só você pegar o número de identificação dela e guardá-lo.

Para copiar facilmente esse número, basta você clicar no dark post e um pop-up vai se abrir. Você encontra o mesmo número logo do topo desse pop-up.

No Gerenciador de Anúncios, quando você for criar um anúncio a partir dessa publicação, é só você selecionar Usar publicação existente e depois clicar em Inserir a identificação da publicação.

Você insere o número que você guardou e clica em Enviar.

Se você conseguir criar uma publicação do jeito que você desejava utilizando essa 1ª forma, ótimo, caso contrário, tente a 2ª forma.

Eu particularmente uso pouco essa 1ª forma, já que hoje em dia ela possui menos campos de personalização da publicação do que antes, e nem todos os formatos de publicação que existem estão ali.

2ª forma

Nessa 2ª forma, para criar uma publicação do tipo dark post basta você criar um anúncio do zero no Gerenciador de Anúncios do Facebook e publicá-lo.

Ao publicar o anúncio, a publicação passa a aparecer naquela sessão Publicações de anúncios.

Assim, ao mesmo tempo que você criou o seu dark post, você já publicou o seu anúncio.

E não era esse objetivo final? Criar um anúncio a partir de um dark post?

Parece que essa 2ª forma é melhor que a 1ª, correto?

Sim, mas há um ponto de atenção.

Se você for tentar logo criar o anúncio que você imaginou dentro do objetivo de campanha desejado, pode ser que você encontre limitações.

Por quê?

Os campos disponíveis de personalização do anúncio variam dependendo do objetivo de campanha.

Por causa dessa variação, eu utilizo o objetivo Conversões para criar a maioria das minhas publicações do tipo dark post, mesmo que eu não queira utilizar esse objetivo na veiculação do anúncio.

É o objetivo que geralmente oferece todos os campos de personalização do anúncio que eu estou precisando no momento.

Quando eu não quero utilizar o objetivo Conversões na veiculação do meu anúncio, assim que eu o publico e consigo ver a publicação na sessão Publicações de anúncios, eu pauso e excluo a campanha.

Excluir uma campanha que já foi publicada, não exclui a publicação da sessão Publicações de anúncio, na qual você consegue pegar facilmente o número de indentificação do dark post.

Lembrando que com esse número, você consegue criar um anúncio a partir dele, como mostrado no final da 1ª forma.

Como um dark post pode aumentar a sua conversão?

Chegará o momento em que você vai querer testar o mesmo anúncio ao longo de diferentes audiências, para saber qual delas performa melhor.

No Gerenciador de Anúncios, você pode reproduzir do zero o mesmo anúncio para cada uma dessas audiências, upando a mesma imagem, colando o mesmo texto, título, descrição, etc,

Ao publicar os seus anúncios, você verá que o número de publicações novas na sessão Publicações de anúncios, sessão que você já conhece, será igual ao número de anúncios publicados.

Cada uma dessas novas publicações da sessão terá o seu número de identificação, já que trata-se de publicações diferentes apesar de terem elementos iguais.

Após algum tempo de veiculação desses anúncios, o que acontece?

Todo o engajamento que esses anúncios receberam, como comentários e curtidas, ficará distribuído entre eles.

Entretanto, se você criar um dark post conforme ensinado nesse artigo e utilizar número de identificação dele na hora de criar os anúncios para essas audiências, o que acontece?

Todo o engajamento que esses anúncios receberão, ficará concentrados em uma só publicação.

Reunindo todo o engajamento em uma só publicação, há mais chances chances de ativação do gatilho da prova social em quem verá o seu anúncio.

As audiências reagem à mesma publicação, enquanto você pode acompanhar as métricas individuais de cada anúncio.

E você?

Já sabia o que era um dark post e quanto ele pode ser útil nas suas campanhas do Facebook?

Comente aqui no final dessa página! E se ficou alguma dúvida sobre dark post, esse é o momento de perguntar nos comentários.

E se por acaso você for um apaixonado por Marketing Digital, faça nosso quiz!

É só clicar no botão azul que está logo aqui embaixo!